home

blogue

facebook

twitter

publicidade

mapa do site

privacidade

webmaster

 

 

 

 

CÓDIGO DE COMPORTAMENTO DO PESCADOR DESPORTIVO

EXTRACTO DO CÓDIGO DE COMPORTAMENTO DO PESCADOR DESPORTIVO, PUBLICADO PELO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, DO DESENVOLVIMENTO RURAL E DAS PESCAS

 

 

DIRECÇÃO-GERAL DE FLORESTAS

Av. João Crisóstomo, 26-28   1050 LISBOA  Tel. 213547307   Fax 213156188

Porque há que respeitar o património aquícola, observando normas de comportamento e ética inerentes ao exercício da pesca, procura-se com este documento contribuir para uma maior consciência da necessidade de preservação dos recursos aquícolas e protecção das águas do País, tendo em conta que a pesca desportiva constitui uma actividade lúdica fundamental na gestão racional dos recursos aquícolas e susceptível de contribuir para o desenvolvimento regional.   

O objectivo deste código é o de promover uma ética de pesca fundamentada nas realidades de hoje. Responsável por um capital que importa transmitir às gerações futuras, o pescador deve respeitar não somente a legislação da pesca , mas igualmente as regras do jogo biológico.

O pescador deve ser consciente dos seus deveres e das suas responsabilidades para com a natureza em geral e para com a fauna aquícola em particular, mas também para com as outras pessoas e os seus bens.   

    


 

 

  Não confunda quantidade com qualidade! O melhor pescador não é necessariamente o que pesca mais exemplares.

  Os peixes capturados devem ser encarados com respeito. Caso não os devolva à água pode dar-lhes a utilização que pretenda, excepto a sua venda.

  Procure utilizar sempre o equipamento mais adequado à espécie e à massa de água onde pesca. Evitará pôr em risco a sobrevivência dos exemplares.

  Respeite escrupulosamente as regras de segurança inerentes ao exercício da pesca. Tenha cuidado com os fios eléctricos e telefónicos. Nunca utilize canas de carbono em dias de trovoada.

   Mantenha sempre uma distância adequada dos outros pescadores.

  Respeite e faça respeitar as limitações ao exercício da pesca: locais, épocas de defeso, tamanhos mínimos de captura, iscos e artes de pesca. As limitações destinam-se a garantir as necessidades ecológicas das espécies e dos seus habitats.

  Seja consciente das suas responsabilidades relativamente a um património comum da humanidade.

   Cumpra os regulamentos próprios das zonas de pesca ordenada.

  Respeite os outros "utilizadores da natureza", mesmo aqueles que apreciam a sua simples contemplação.

  Ajude a proteger a qualidade da água - não polua!  Não abandone nas margens ou na massa de água, iscos, linhas e anzóis. Recolha o lixo que produziu e deixe-o no contentor mais próximo.

  Adopte as regras elementares de boa educação e civismo. Mantenha o melhor entendimento com todos, não destrua os bens alheios, não se esqueça de fechar portões e vedações, não destrua a sinalização.

  Se pesca de barco utilize apenas óleos biodegradáveis.  Navegue a uma velocidade reduzida, especialmente junto a embarcadouros, pontões, zonas de banho, margens ou locais que não conheça bem. Nunca se aproxime de quem pesca na margem.

  Colabore na protecção das áreas florestadas por forma a evitar os incêndios florestais; não faça fogueiras em áreas de risco e tenha cuidado com pontas de cigarro.

 Comunique às autoridades as infracções que presenciar.  Nunca esqueça a sua documentação.

  Seja um pescador responsável: apoie sempre que possível os programas de estudo e inquéritos sobre a fauna aquícola.  Aperfeiçoe e actualize os seus conhecimentos sobre as espécies e sobre a legislação da pesca.

  Transmita a sua experiência e contribua para a educação e orientação do comportamento dos pescadores mais novos.

 

 

WORLD-OF-FISHING

 

 

 

Última actualização / Last updated:   

 

       Page Ranking Tool   

Visualização 1024 x 768 | © Copyright 2003 - 2017 | Todos os direitos reservados | Propriedade ® KATEMBE | Página alojada por   LusoAlojaWebmaster